Pesquisa qualitativa + farmácias de manipulação + fabricantes/distribuidores de medicamentos = viabilidade de investimento

Nosso cliente, tradicional empresa do segmento plástico, queria avaliar a oportunidade de participar do mercado de embalagens sopradas onde os maiores consumidores são as mais de 6000 farmácias de manipulação existentes no Brasil, e outros consumidores da área de saúde como laboratórios de análise clínica e hospitais.

A principal pergunta a ser respondida pelo estudo de mercado era: Como entrar nesse mercado?

SOLUÇÃO

Foi definida uma amostra significativa de farmácias de manipulação, distribuidores, transportadoras, fabricantes e especialistas na área, fabricantes de tampas e outras fontes secundárias.

Para o lançamento desse produto, foi necessário fazer uma ANÁLISE DE OPORTUNIDADE para definir o tamanho desse mercado, fatores de decisão de compra, grau de exigência dos clientes em relação à qualidade da embalagem e aparência, qual a quantidade de modelos necessários, entre outros aspectos.

Foi feito uma ANÁLISE DA CONCORRÊNCIA que mostrou os pontos fortes e fracos dessas empresas, preços praticados e métodos de vendas e marketing.

Para complementar foi feita uma ANÁLISE DA DISTRIBUIÇÃO/LOGÍSTICA onde foram explorados a venda dos concorrentes aos distribuidores; logística utilizada na entrega; de que forma os clientes compram essas embalagens; freqüência de entrega e outros aspectos.

RESULTADO

Descobriu-se que o mercado de embalagens sopradas é muito competitivo e os maiores consumidores são os laboratórios farmacêuticos, indústrias químicas e de bebidas.

Com as informações obtidas nas análises de oportunidade, concorrência e distribuição, o cliente pôde ter uma visão total do ambiente mercadológico das embalagens sopradas no Brasil e pôde desenvolver um estudo de investimento, considerando todos os aspectos positivos e negativos desse negócio.